CARDÁPIO : VEJA NOSSAS RECOMENDAÇÕES

Redação | 18:59 1 comment
• No caso de produtos industrializados, a precisão será maior se você dividir o total de calorias indicado no rótulo por 3,6 (que é o valor de 1 ponto). 

• Na tabela da Dieta dos Pontos (veja aqui) você também vai encontrar algumas preparações que são fritas, como a coxinha de galinha. No entanto, aprenda este truque: ao ler, por exemplo, os pontos de um filé de frango ou de qualquer outro alimento sem nenhuma especificação da forma de preparo, eles se referem a uma preparação assada, grelhada ou cozida. 

• Se a comida for preparada com fritura simples, aquela de imersão, então você deverá multiplicar os pontos indicados na tabela por 3. Já se for um prato à milanesa ou empanado, você deverá multiplicar os pontos da nossa tabela por 4. No caso desta lista interativa, basta clicar 3 ou 4 vezes no mesmo alimento. 

• Nas grandes refeições, como almoço e jantar, você deve descontar 15 pontos logo no início. Esses pontos se referem ao tempero usado na cozinha para preparar a comida. Eles incluem até o óleo do preparo — que pode ser qualquer um de sua preferência, como soja, milho, girassol, canola ou azeite de oliva. Desse modo, um indivíduo com o limite de 330 pontos tem, na realidade, 300 pontos para consumir os mais variados alimentos, porque 30 pontos ele desconta em função do tempero. Não esqueça de considerar o total apresentado na lista interativa descontando o valor inicial do preparo da comida. 

• O tempero acrescentando à mesa deve ser computado à parte. Portanto, além dos 15 pontos de cada refeição, você deverá descontar o molho da salada ou aquele fio de azeite sobre uma fatia de pizza, por exemplo.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário:

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!